Se todas as pessoas que declaram cristãs tentassem viver imitando o estilo de vida que Jesus teve quando andou entre nós, o mundo já teria se transformado num paraíso. O cárater de Jesus é revolucionário e suas virtudes transformadoras.

O problema é que há pessoas que vivem num ambiente religioso mas nunca experimentaram qualquer transformação. São rudes, cruéis, grosseiras, maldosas, maledicentes, egoístas, arrogantes, mesmo ostentando o título de cristão, evangélico, católico ou coisa parecida. Implacáveis no cumprimento de regramentos religiosos vazios, mas sem qualquer misericórdia com a dor humana. Preferem uma religiosidade cosmética destrutiva e opressora a uma proposta que traga vida plena, que é o que propõe o Reino de Deus.

Quem diz que ama a Deus, tem de tentar imitá-lo, tentar viver conforme os valores e o caráter de Deus. Dizer que ama a Deus e não ter um caráter transformado é uma farsa, uma mentira. Não é à toa que Jesus fala da necessidade de um novo nascimento, que é, depois de uma experiência de conversão, ter um novo coração, uma nova mente, uma nova concepção do mundo e do Reino de Deus. Em outras palavras, ser uma pessoa diferente, que mudou para melhor.

Então, caro leitor, quero convidá-lo a uma reflexão, e para tanto gostaria que você respondesse às seguintes questões: Sua fé, seu cristianismo, tem feito de você uma pessoa melhor? Será que realmente você é nascido de Deus? Se é nascido de Deus, em que criatura você se transformou? Em que tipo de pessoa você se transformou?

Todo o tempo que você tem professado sua fé, todo o tempo em que você tem ido à igreja, lido a bíblia, levantado as mãos em louvor a Deus, tudo isso transformou você em que tipo de pessoa?

Você é hoje uma pessoa mais amável do que era antes? É uma pessoa mais verdadeira do que era antes? É mais constante? É mais amoroso, misericordioso e cheio de compaixão? É mais compreensivo com os erros e inconstâncias dos outros?

Tiago e João eram dois discípulos de Jesus, que conviviam com ele o tempo todo. Entretanto, quando foram rejeitados pelos samaritanos, pediram autorização de Jesus para orar e fazer cair fogo do céu para consumí-los. Jesus os repreendeu duramente, dizendo que ele tinha vindo para salvar as pessoas e não para destruí-las. Ora, eles estavam cansados de ouvir Jesus, mas ainda não tinham se convertido a verdadeiros discípulos de Jesus. Tinham um coração cheio de vingança, ódio, orgulho e soberba. Tinham fé suficiente para fazer cair fogo do céu, mas ainda não eram imitadores de Jesus.

E você, será que é uma pessoa mais educada, mais polida, mais doce, mais gentil do que antes de tornar um cristão?

O evangelho, tal qual anunciado por Jesus, deve produzir pessoas mais bonitas em seu caráter, mais educadas, íntegras, mais polidas, mais amáveis, doces e misericordiosas, cheias de graça e de bondade. E isso em todas as dimensões da vida, em casa, no trabalho, na igreja, na rua, no trânsito, em tudo.

E então, a fé que você professa tem feito de você uma pessoa melhor? Se não, está na hora de voltar-se para Jesus e sua mensagem, ansiando por transformação e novo nascimento.

Márcio Rosa da Silva

Anúncios